terça-feira, 4 de novembro de 2008

Algum massagista me lê?

É que neste momento se há coisa que me apetecia mais que uma valente cavalgada de um macho sobre mim, eram mesmo umas vigorosas e relaxantes massagens da cabeça aos pés. Ok, e se o massagista me pusesse o corpo nas nuvens e tivesse um ar assim de macho bastante comestivel, eu também o poderia levar a essas mesmas nuvens. Mas não com massagens, que apesar de gostar de as fazer e nem me desenrascar mal (diz-se), não é a minha área...

Bem, deixo um beijinho a todos os que passam por aqui à espera de notícias minhas. Vá, o beijinho não é onde vos apetecer. Eu é que decido...

4 comentários:

Shelyak disse...

E gostei de te ver por aqui... massagens...pois vezes sabem tão bem e como dizes melhor ainda...
Um sorriso para ti!
:)))

vita disse...

Eu não sou massagista, mas apreciava uma agora, bem dada...massagem.;P

Beijo nina

de Marte disse...

maria, volta que tás perdoada!

Cadê tu?

Beijinhos

Anónimo disse...

Até que te fazia a tal massagem.

Mas era somente a massagem, nao é que eu seja bicha, mas numa Maria, que é uma senhora, somente uma massagem

beijos